Atividades associadas

PRIMEIRO OLHAR – V FESTIVAL INTERNACIONAL DE ARTES CÊNICAS PARA A PRIMEIRA INFÂNCIA

04 e 26 de agosto, no Museu Nacional e Funarte

 

A primeira infância, que compreende os seis primeiros anos de vida de uma criança, é uma fase de descobertas e aprendizado primordial para o desenvolvimento intelectual, afetivo e social do ser humano. Quando um ser humano nasce, o seu olhar, é pioneiro do mundo. Contempla com todos os sentidos para criar, pesquisar e inventar. Na porta da vida, esse primeiro olhar guarda toda a memória da humanidade, e a sua amplitude é o que garante a vanguarda da evolução humana.  

 

Os espetáculos do Festival Primeiro Olhar – V Festival Internacional de Artes Cênicas para a Primeira Infância foram criados a partir dessas percepções e nasce para festejar as fontes originarias das artes humanas. Em 2018, o evento chega a Brasília em sua quinta edição – realizado como atividade associada ao Cena Contemporânea – com uma programação formada por sete espetáculos, sendo três franceses, um italiano e dois brasileiros e uma coprodução Brasil-Espanha.

 

PROGRAMAÇÃO:

4 e 5/08, às 11h e 16h, Plínio Marcos – Funarte: Mokofina, de  Cia.Musicale Lagunarte (França)

11/08, às 11h e 16h, Plínio Marcos – Funarte: Bubuia , de  Coletivo Antônia (DF)

12/08, às 11h e 16h, Plínio Marcos – Funarte: Pupila d’Água de  Cia La Casa Incierta (DF/Espanha)

18 e 19/08, às 11h e 16h, Plínio Marcos – Funarte: Ser você e ainda ser eu, de  Grupo Teatral Mão na Luva (São Paulo- SP)

25/08, às 11h e 16h, no Museu Nacional: O Jardim do Possível, de  Benoit Sicat  (França)

25/08, das 10h às 18h, no Espaço Cultural Renato Russo (instalação-espetáculo): Oficina-espetáculo Mondo Fragile com  Antonio Catalano (Itália)

26/08, às 11h e 16h, no Museu Nacional: Icilá, de Benoit Sicat  (França)

 

Ingressos: R$ 20 e 10 (meia), vendas uma hora antes de cada sessão.

Classificação indicativa: Livre (espetáculos recomendados para crianças de 0 a 5 anos de idade).

 


CURSO DE FOTOGRAFIA DE ESPETÁCULOS – ESPAÇO F/508 DE FOTOGRAFIA

06 de agosto a 10 de setembro, no Espaço F/508 de Fotografia

 

O Curso de Fotografia de Espetáculos é resultado de uma parceria entre o Espaço F/508 de Fotografia e o Cena Contemporânea que chega em 2018 aos 10 anos de plena fruição. No curso, os alunos têm acesso à programação do festival, que serve como plataforma para as aulas práticas. Destina-se a fotógrafos profissionais e amadores, que tenham interesse na cobertura de peças de teatro, dança, circo e shows. A parceria com o Festival propicia ao aluno experiência direta e a possibilidade de formação de portfólio, além de colocá-lo em contato com dificuldades e desafios recorrentes a serem enfrentados por fotógrafos do segmento. Durante o curso, cada aluno cobrirá no mínimo 4 espetáculos, entre eles peças internacionais, nacionais e regionais.

Atividade gerenciada pelo Espaço F/508 de Fotografia. Informações: cursof508@gmail.com

 

 


LANÇAMENTO DO LIVRO “NUNCA JUNTOS MAS AO MESMO TEMPO” DE WAGNER SCHWARTZ. 

25 de agosto às 15h, no Objeto Encontrado – CLN 102 norte, bloco B

 

O coreógrafo Wagner Schwartz lança no Cena Contemporânea seu livro “Nunca Juntos Mas ao Mesmo Tempo” pela editora Nós. Wagner Schwartz convida Béatrice Houplain para criar a voz de sua personagem, Adeline, em francês – uma forma encontrada por ele para conceber uma linguagem outra. O processo de escritura segue sem um idioma certo, sem vetores ou vestígios de determinismos, como uma imprudência poética que desafia a eles próprios e a nós leitores.

O lançamento será mediado pelo artista e professor Christus Nóbrega. Wagner Schwartz vem ao Festival com o espetáculo Domínio Público, ao lado de Renata Carvalho, Maikon K. e Elisabete Finger.